SOFIA

Lilypie - Personal pictureLilypie Kids Birthday tickers

domingo, 31 de janeiro de 2010

4ª SEMANA DE JANEIRO

Mais uma semana passada, com alguma chuva e frio, desta vez só veio ver o VU o bandidinho ANDRE, o FILIPE telefonou e esteve muito tempo a conversar. De facto, o tempo não ajuda ,mas vamos esperar dias melhores para podermos estar todos juntos.
Esta semana vou deixar um comboio que fiz e que o bandidinho ANDRE diz que é " minha."
Ele pergunta sempre para quem são os brinquedos que faço, se são para algum menino, e eu digo não são meus e depois vão ser para ti e para o FILIPE. Então ele diz OH VU estes são meus e depois fazes outros para o FILIPE.

segunda-feira, 25 de janeiro de 2010

AS PIASCAS

Este fim de semana só o Bandidinho FILIPE veio até cá a casa , pois o ANDRE ainda não estava muito bem. Andei a jogar a bola com o FILIPE foi bom.
Hoje vou deixar mais um brinquedo que fiz para os meus bandidinhos, são as " piasquinhas "


domingo, 17 de janeiro de 2010

3ª SEMANA DE JANEIRO

Este fim de semana os "bandidinhos" vieram ver o VU o ANDRE veio no sabado e o FILIPE veio hoje. O ANDRE está com varicela mas mesmo assim brincou que se fartou arrumou a cozinha toda, amanhã vai ficar com a VÓVÓ, vai ser muito bom. O FILIPE hoje mal chegou junto de mim disse logo , VU vamos jogar o joguinho no computador, já se desenrasca muito bem.

Quanto às bricolages vamos começar outra vez a apresenta -las, hoje vou deixar um avião a pedido de um amigo que gostava de ver um "RED BULL" a moda da casa.




domingo, 10 de janeiro de 2010

DIA DE NEVE

Hoje Domingo está um dia muito frio, choveu, caiu neve e como assim se mantem os "bandidinhos" não vieram ver o VU.


Há alguns anos a esta parte que não nevava no PORTO, de facto e apesar de tudo é interessante ver a “ neve “ cair. Mas a verdade, é que não me impediu de sair , pois tinha uns compromissos que não podia faltar.

Passei por várias ruas da cidade e reparei que não havia tanto movimento como de costume, vi algo que me perturbou bastante, vi gente a dormir em portais ao relento sem protecção quase nenhuma, gente que procurava uma sopa quente que se calhar era o seu almoço e jantar deste dia.

Senti que continuamos distantes uns dos outros , senti que cada vez infelizmente há mais miséria, uma à vista desarmada outra silenciosa ,senti que sou mais um que não consegue mudar este estado de coisas, vi um velho quase descalço e aí veio-o me á memoria uma parte de uns versos de Augusto Gil, que penso que farão sentido nesta altura .


E uma infinita tristeza,
uma funda turbação
entra em mim, fica em mim presa
Cai neve na Natureza
e cai no meu coração.
Espero meus “queridos bandidinhos” que no vosso tempo de adultos, nada disto sirva para quem quer que seja, escrever.Que o respeito pelos outros não consinta que haja tanta miséria, e, que as mentalidades se modifiquem, hoje tinha que deixar esta missiva, tão traumatizante foi o que vi, espero também que quem a leia pense verdadeiramente na infelicidade dos outros.
Por hoje chega.

terça-feira, 5 de janeiro de 2010

RECORDAÇÃO DO PASSADO II

Como o prometido é devido, vou começar o ano não com as bricolages, porque devido ao tempo que se tem feito sentir, não deixa que acabe os trabalhos . Pois bem, depois destes dias de festas os meus Bandidinhos, estão bastante bem , tudo está mais calmo e eu vou deixar mais uma letra de uma musiquinha que aprendi quando pequeno, e que espero que eles mais tarde a cantem.

REPIU,PIU PIU.PIU
Canta o passarinho
Canta o passarinho quando o sol subiu

REPIU,PIU PIU.PIU
REPIU,PIU PIU.PIU
PIU.PIU PIU.PIU


REPIU,PIU PIU.PIU
Lá vem ele a voar e
Pôs - se a cantar mal o outro viu

REPIU,PIU PIU.PIU
REPIU,PIU PIU.PIU

REPIU,PIU PIU.PIU
REPIU,PIU PIU.PIU

Ai que graça tem
Pois o outro também
Canta quando viu


REPIU,PIU PIU.PIU
REPIU,PIU PIU.PIU